Roleta russa

A roleta russa, tal como qualquer roleta, é um jogo de sorte. No entanto, neste jogo, o jogador não arrisca dinheiro mas sim a sua própria vida. Neste jogo é usado um revólver com apenas uma bala no tambor. Os participantes devem girar o tambor e fechar sem conhecerem a localização da bala. Depois os participantes aponta o revólver à sua cabeça e primem o gatilho. Tendo em conta que existe apenas uma bala em 6 câmaras os jogadores têm 16.67% de hipóteses de dispararem e morrerem.

História da roleta russa

Existem várias teorias sobre o aparecimento da roleta russa sendo que a mais aceite é que esta apareceu entre os soldados russos no século XIX. Numa das versões os soldados russos obrigavam os prisioneiros a jogar enquanto que noutra os próprios soldados russos jogavam de modo a impressionarem-se uns aos outros.

Casos de pessoas que jogaram a roleta russa

Em Dezembro de 1954, o músico americano de Blues Johnny Ace matou-se com um revólver de calibre .22. Várias testemunhas afirmam que o músico encontrava-se a brincar com a arma e que dizia saber em que câmara a bala se encontrava. Aparentemente enganou-se.

Em 1976, o mágico finlandês Aimo Leikas mantou-se durante um espetáculo ao fazer um ato de roleta russa. O mágico fez este ato durante cerca de um ano. Ele afirmava à plateia que usava a telepatia para escolher onde o tambor do revólver parava. Morreu aos 29 anos perante uma plateia horrorizada.

Malcolm X afirmou na sua autobiografia que nos seus tempos como ladrão chegou a jogar à roleta russa de modo a convencer os seus parceiros que estava disposto a morrer.

O romancista inglês Graham Greene admitiu na sua autobiografia que jogou este jogo por duas vezes sozinho durante a sua adolescência.

John Hinckley Jr., o homem que tentou matar o presidente americano Ronald Reagan era conhecido por ter jogado este jogo duas vezes sozinho. Tendo em conta que ele tentou matar um presidente para impressionar uma atriz com a qual tinha uma obsessão não é de admirar.

Ao longo dos anos estes não foram os únicos casos conhecidos de pessoas a jogarem roleta russa. Vários incidentes têm sido registados sendo que vários têm acabado por ser fatais. Estes incidentes incluem tentativas de suicídio, jogos influenciados pelo álcool e mesmo jogos de desafios que foram longe de mais. Em vários casos os cúmplices no jogo foram acusados de posse de arma, homicídio involuntário e homicídio culposo.

Variações do jogo

Hoje existem várias alternativas a este jogo. Numa das versões a roleta russa é jogada com cápsulas de bala vazias. Apesar de esta versão ser menos excitante permite que todos os jogadores sobrevivam ao jogo.
Em outra versão deste jogo os jogadores colocam foguetes na boca e tentam agarrar o projétil o máximo de tempo possível. O último jogador a largar o projétil ganha.
Existem outras versões deste jogo e por norma envolvem sempre risco para o apostador. Por isso antes de se atrever num jogo desses pense sempre: o quanto vale a sua vida?